CURSO “ESPELEOLOGIA NO LICENCIAMENTO AMBIENTAL”

CURSO “ESPELEOLOGIA NO LICENCIAMENTO AMBIENTAL”

Por: Syro Lacerda.

Durante os dias 8 a 11 de novembro de 2017, foi realizado, a partir de uma parceria entre o Instituto Minere e a Spelayon Consultoria, o curso “Espeleologia no Licenciamento Ambiental”. Este curso, realizado ainda com o apoio da mineradora Anglo American, foi destinado a profissionais que trabalham com Licenciamento Ambiental de empreendimentos que conflitem com a preservação do patrimônio espeleológico, abordando assim conhecimento dos aspectos ambientais do carste e da espeleologia, normas e a legislação aplicada, além dos procedimentos adotados pelos órgãos ambientais e os estudos técnicos solicitados.

O curso foi dividido em módulo teórico e prático: os três primeiros dias reservados para palestras das 9h às 17h, no Colégio Arnaldo, logradouro Praça João Pessoa, Funcionários, Belo Horizonte, Minas Gerais, em que os professores abordavam de forma expositiva e explicativa o conteúdo; enquanto no último dia, na parte da manhã, foi realizada uma visita ao Parque do Sumidouro – Museu de Lund e Gruta da Lapinha – no município de Lagoa Santa, Minas Gerais.

O módulo teórico do curso foi dividido em três partes: (a) Aspectos gerais sobre a espeleologia e o carste, ministrado pelo professor Dr. Luiz Eduardo Panisset Travassos; (b) Licenciamento ambiental no âmbito da espeleologia, ministrado pela professora Msc. Mariana Timo e (c) Estudo de caso de licenciamento ambiental voltado ao patrimônio espeleológico vivenciado pela Mineração Anglo American, Conceição do Mato Dentro, Minas Gerais, ministrado pelo professor Gilcimar Pires Cabral Oliveira.

Já o módulo prático, a visita ao Parque do Sumidouro, contou com a exposição da história e trabalhos realizados na região de Lagoa Santa por Peter Wiliam Lund, considerado por muitos o pioneiro nos estudos que envolvem a espeleologia no Brasil. Além desta exposição, foi realizada a visita guiada por monitores do parque à Gruta da Lapinha, aberta à visitação desde a década de 50, que conta com estruturas que facilitam o acesso dos visitantes como escadarias, corrimões, iluminação artificial, entre outros.

Participantes: Syro Lacerda, Lorena Oliveira, Fabrício Fernandes.

 

CURSO TEORICO  ENTRADA LAPINHA

 

MUSEU DE LUND  LAPINHA

LAPINHA 1 LAPINHA 2

 

 

LAPINHA 3 LAPINHA 4

LAPINHA 5 LAPINHA 6

LAPINHA 7 LAPINHA 8